POLITICA de Navegação com Cookies

Ao navegar nesse sitem voce aceita que coletemos seus dados de Navegação para armazenarmos em cookies que usamos para melhorar sua Experiência de Navegação seus dados serão armazenados apenas no momento da sua Navegação na Pagina e não serão usados para nenhum outro fim, ao sair do site seus dados serão eliminados.

Aceito
- Foto: Divulgação / PMC

Caraguatatuba

Caraguatatuba realiza última avaliação de densidade larvária do ano; resultado auxilia nas próximas ações de combate à dengue

Por: Redação
Nov. 16, 2021, 8 a.m.

 

Os agentes de controle da dengue do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) iniciaram, nesta terça-feira (16), as atividades da última avaliação de densidade larvária (ADL) de 2021.
De acordo com biólogo e coordenador do Controle da Dengue, Ricardo Fernandes, a ADL é importante porque vai servir como norte para a realização das ações de combate à dengue dos próximos meses, principalmente com o início do verão e o período de grande de circulação de pessoas na cidade.
Ele destacou que “o trabalho será ainda mais intensificado nas áreas com maior infestação, além de informar a população quais são os principais criadouros em cada bairro do município”.
A previsão é de que 600 quarteirões e mais 3.300 imóveis sejam vistoriados até o dia 15 de dezembro.
O resultado da última ADL, realizada em setembro, apontou que a taxa de infestação do mosquito Aedes aegypti no município era de 1,7%. Esse número é inferior ao obtido na avaliação de junho, que foi de 1,8%.
Segundo o Ministério da Saúde, o resultado indica um estado de alerta. Quando o índice obtido é menor que 1,0% o resultado é satisfatório; de 1,1% a 3,9% é preciso ficar em estado de alerta; e acima de 4,0% é considerado alto risco.
A área ‘1’, que corresponde à região próxima ao bairro Tabatinga, na região norte, obteve a taxa mais alta de infestação do município. Ela chegou a 2,33%.

Vistoria de pontos estratégicos
Os cerca de 50 imóveis considerados como pontos estratégicos (PEs) cadastrados no CCZ começaram a receber, nesta terça-feira (16), a visita dos agentes do controle da dengue. No local, a equipe realiza vistorias para identificar possíveis criadouros.
Os pontos estratégicos são os locais com grande acúmulo de materiais como: borracharias, ferros-velhos, mecânicas automotivas, empresas de reciclagem e floriculturas. Esses locais facilitam a proliferação do mosquito, justamente por terem a características de criadouro, por isso, recebem visitas quinzenais.

Fonte: Prefeitura Municipal de Caraguatatuba