- Foto: Divulgação
- Foto: Divulgação
- Foto: Divulgação
- Foto: Divulgação

Feriado de Páscoa

Prefeitura de Ubatuba altera expediente durante feriado de Páscoa

Confira, ainda, um resumo das medidas da Fase Emergencial

Por: Redação
April 3, 2021, 7 a.m.

 

A administração municipal informa que o expediente da Prefeitura de Ubatuba vai até às 17 horas dessa quarta-feira, 31 de março, e será retomado na segunda-feira, 05 de abril - devido ao ponto facultativo do dia 1º e o feriado de sexta-feira da Paixão celebrado na sexta-feira, 02.

A Prefeitura ainda reforça que, devido à fase emergencial, é importante antecipar o abastecimento de bens de consumo e evitar realizar confraternizações com familiares e amigos que não moram na mesma casa para conter a disseminação do vírus.

O executivo ainda chama a atenção para o funcionamento de algumas atividades, como o Mercado de Peixe e a Feira Livre. Confira:

 

Mercado de Peixe

 

Funcionamento das 7h às 18 horas

Solicitação – uma pessoa por família para reduzir aglomeração

 

Feira livre

 

Sábado - 6h às 12 horas

Praça Bip

Solicitação – uma pessoa por família para reduzir aglomeração

 

Vacinação

 

Não haverá vacinação durante o feriado. No dia 05 de abril, a imunização contra a Covid-19 voltará a ser realizada nas unidades de Saúde em primeira dose para a faixa etária de 69 a 71 e segunda dose para os grupos anteriores que receberam a Coronavac.

 

Barreiras Sanitárias

 

Serão montadas diversas barreiras em locais e horários variáveis, no intuito de fiscalizar o rodízio emergencial.

 

Resumo das medidas em vigor

 

- Adoção de rodízio emergencial de veículos de 26 de março a 04 de abril;

 

- Proibição de estacionamento nas áreas rotativas próximas à orla

 

- Em caso de violação do rodízio ou estacionamento irregular, serão aplicadas as multas previstas no Código de

 

- Emissão de senhas de acesso de vans e ônibus de turismo e das senhas já emitidas (que poderão ser remarcadas para outra data) continua SUSPENSA

 

- Circulação de carros de som com mensagens orientando para o distanciamento social

 

 - Aulas e atividades presenciais suspensas em toda a rede municipal, inclusive particular e filantrópica de ensino, além da rede pública municipal e estadual que já estavam suspensas

 

- Fechamento das praias a pessoas e veículos para todas as atividades que não caracterizem “esporte individual”.

 

-Proibida a instalação de cadeira, tenda ou guarda-sol na faixa de areia e calçadão, sendo vedadas atividades e comportamentos que possam ocasionar qualquer tipo de aglomeração,

 

- Fechamento de estabelecimentos comerciais de atração turística (museus, aquário, cinemas, shopping center)

 

- Proibida a venda de bebidas alcoólicas após as 20h até as 6h do dia seguinte em qualquer segmento comercial

 

- Proibido funcionamento de lojas de materiais de construção e tinta, academias esportivas, salões de beleza, barbearias, serviço de retirada “take away” para restaurantes, comerciantes e ambulantes está proibido, conforme o decreto estadual de fase emergencial;

 

- Proibido funcionamento presencial em estabelecimentos comerciais não classificados como essenciais, inclusive, adegas, bares, restaurantes, lanchonetes, ambulantes e quiosques;

 

 - Hotéis e pousadas têm autorização apenas para a estada de profissionais da saúde, população vulnerável em grupos de risco, familiares e amigos de pacientes internados ou com necessidade de cuidados médicos, profissionais ligados ao abastecimento de estabelecimentos de alimentação, profissionais de postos de combustível e derivados, armazéns, oficinas de veículos automotores, profissionais de segurança pública, profissionais de abastecimento de água, luz, gás e telecomunicações, tripulação de aeronaves, outros profissionais em serviço.

 

 - Fiscais da Companhia Municipal de Turismo de Ubatuba (Comtur) e da Prefeitura de Ubatuba, com apoio da Guarda Civil Municipal de Ubatuba e da Polícia Militar, orientarão turistas e veranistas que eventualmente estiverem na praia a retornarem às suas casas.

 

- Suspensão da cobrança da zona azul.

Fonte: Secretaria de Comunicação / PMU