- Foto: Divulgação / PMC

Caraguatatuba

Prefeitura de Caraguatatuba cria projeto ‘Horta Comunitária no seu bairro’

Por: Redação
July 22, 2020, 7 a.m.

 

A Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Urbanismo, deu início ao projeto ‘Horta Comunitária no seu bairro’. A ideia é que a população possa ocupar áreas do município com o cultivo de verduras, legumes e frutas.
Os interessados devem procurar a Secretaria de Urbanismo para verificar a disponibilidade de área em sua região e se ela pode ser utilizada para esta finalidade.
De acordo com o secretário da pasta, Wilber Cardozo, dois processos já estão em andamento e devem beneficiar a comunidade do Residencial Nova Caraguá 2, na região sul da cidade. “Com isso, a prefeitura ocupará áreas públicas onde antes a população descartava lixo ou entulhos”, comenta.
Uma dessas áreas foi pleiteada pelo eletricista e encanador Edvando de Jesus Santo dos Santos, 38 anos, que acha um desperdício a área existente em seu bairro. “A Prefeitura cuidava, mas os próprios moradores jogavam lixo e restos de podas”.
Ele conta que a ideia é formar uma horta que vai beneficiar não só os moradores, mas também as crianças da creche que tem no bairro. “Quando terminar o processo de aprovação, vamos chamar os moradores para participar”, conta.
Segundo Wilber Cardozo, onde for possível, serão trabalhados conceitos de permacultura, um sistema de princípios agrícolas e sociais cujo planejamento do seu design é centrado em simular ou utilizar diretamente os padrões e características observados em ecossistemas naturais que foi estudada para dar resposta à nova e crescente consciencialização da degradação ambiental global.
Ainda confrome o secretário, também fazem parte do projeto a compostagem, minhocário e um amplo trabalho de conscientização ambiental. “Em breve, começaremos a trabalhar com hortas comunitárias de plantas medicinais”, adianta.
Importante destacar que a comunidade que tiver interesse deve procurar a Secretaria de Urbanismo, à Avenida Brasil, 749, Sumaré. O projeto deve ser desenvolvido em grupo de moradores.

Fonte: Prefeitura Municipal de Caraguatatuba